FISCALIZAÇÃO – O vereador Sargento Santana (PTB) retomou um dos temas abordados na última sessão representativa: a atuação dos agentes de trânsito que atuam no município. Disse ter conversado com representantes da associação dos fiscais, que relataram uma série de dificuldades relacionadas à estrutura de trabalho. O parlamentar defendeu que o Legislativo apoie a categoria na busca por melhores condições de trabalho. O vereador Márcio Freitas (PDT) avaliou que a falta de estrutura não pode ser justificativa para a má conduta por parte de alguns fiscais, citando o caso de uma pessoa com deficiência que foi multada no Centro da cidade.

SEGURANÇA – O vereador Canhoto (SD) abordou a situação da segurança no município, em especial no bairro Rio Branco. Citou os crimes recentes cometidos na região e afirmou que os comerciantes estão trabalhando com medo diante do grande número de assaltos a estabelecimentos. Disse ter encaminhado solicitação para o reforço das rondas no bairro. O vereador Cris Moraes (PV) ressaltou que o reforço no policiamento deve ser estendido a outros bairros que também enfrentam a falta de segurança. O parlamentar defendeu também a integração dos órgãos de segurança.

SEGURANÇA II – O presidente da Câmara, vereador Juares Hoy (PTB), classificou como inaceitável a falta de registro de ocorrências policiais sob a alegação de falta de estrutura e segurança. Destacou que existem problemas no sistema, mas avaliou algumas ações como desnecessárias, citando o caso de presos algemados em calçadas. Juares enfatizou que o trabalho dos policiais civis é essencial e que não se pode admitir que o serviço deixe de ser prestado à população.

SEGURANÇA III – O vereador César Augusto (PRB) parabenizou a iniciativa do governo municipal de realocar guardas municipais para o reforço da segurança em pontos de grande circulação de pessoas na cidade. Destacou que a Guarda Municipal se qualificou nos últimos anos e apresenta condições de auxiliar nas ações da segurança pública.

RENOVAÇÃO – O vereador Marcus Vinícius – Quinho (PDT) comentou a renovação na Câmara e enfatizou que os parlamentares devem deixar de lado as classificações de situação e oposição para trabalhar, de fato, em benefício da comunidade. Segundo ele, a atitude não é uma busca utópica, mas uma ação necessária e urgente.

PRIVATIZAÇÃO – A vereadora Maria Eunice (PT) tratou do processo de extinção e privatização de empresas públicas e manifestou preocupação com a possibilidade de propostas desse tipo atingirem o município. Propôs que a Câmara realize debate sobre o tema e se antecipe na discussão para garantir um serviço público de qualidade. O vereador Aloisio Bamberg (PCdoB) também argumentou que as futuras privatizações preocupam e defendeu a necessidade de criação de movimentos contrários à medida. Salientou que existem casos de privatização em que a população fica refém das empresas.

 

*Neste dia foram realizadas duas sessões ordinárias, excepcionalmente, em função do feriado de Nossa Senhora dos Navegantes.

Câmara Canoas

Fale Conosco

Rua Ipiranga, 123 - Centro - CEP 92010-290 - Canoas / RS
Telefone: (51) 3462-4800
Horário: segunda a quinta-feira, das 12h15min às 18h15min e sexta-feira, das 8h às 14h.
protocolo@camaracanoas.rs.gov.br
CNPJ: 89.768.535/0001-10