PREVIDÊNCIA – O vereador Canhoto (SD) manifestou a posição contrária de seu partido à reforma da previdência apresentada pelo governo federal. Enfatizou que o texto prejudica os trabalhadores e disse que o SD irá apresentar no Congresso Nacional uma outra proposta de reforma.

FISCALIZAÇÃO – Márcio Freitas (PDT) comentou o caso de uma pessoa com deficiência que foi multada por um agente de trânsito no centro da cidade. Salientou que faltou bom senso por parte do fiscal. O vereador afirmou que conversou com representante da Coordenadoria da Pessoa com Deficiência no intuito de promover curso de capacitação para os profissionais que atuam na área da fiscalização de trânsito.

FISCALIZAÇÃO II – O vereador Gilson Oliveira (PP) questionou a atuação de parte dos fiscais de trânsito no município. Defendeu que a Câmara deve convidar um representante do órgão responsável para explicar como funciona a capacitação e o treinamento dos agentes que atuam na cidade.

HOSPITAL – O vereador Marcus Vinicius – Quinho (PDT) relatou visita feita por ele ao Hospital Nossa Senhora das Graças, momento em que conheceu a nova diretoria e o plano estratégico que começa a ser implementado. Disse que uma das preocupações da instituição é o baixo índice de atendimento no setor de convênios, que corresponde a 15% do total - o SUS totaliza 85% dos atendimentos. Segundo ele, a ideia do hospital é buscar um equilíbrio e chegar a atender 70% SUS e 30% convênios, o que possibilitaria um incremento de receita. O parlamentar também comentou o convênio firmado entre o Graças e o Unilasalle, que beneficiará a comunidade canoense, a partir da disponibilização de consultas nas dependências das Clínicas Integradas do centro universitário.

ECONOMIA SOLIDÁRIA – A vereadora Maria Eunice (PT) falou sobre a sua participação no seminário promovido pelo Fórum Canoense de Economia solidária, realizado em 11 de janeiro. Enfatizou que a economia solidária no município garante trabalho e renda e promove a inclusão social de centenas de famílias. Defendeu a realização de debate sobre a estratégia do município para a consolidação da economia solidária. Maria Eunice também comentou sobre o Fórum Social das Resistências, que contou com a participação de uma delegação canoense.

CONTRATOS – O presidente da Câmara, vereador Juares Hoy (PTB), demonstrou preocupação com os serviços prestados pelo grupo Gamp, empresa vencedora da licitação realizada na área da saúde pela administração anterior. Comentou também a contratação de duas empresas de publicidade, no final da gestão passada, no valor de R$ 24 milhões. O parlamentar destacou as dificuldades financeiras a serem enfrentadas pelo atual governo e relatou uma série de visitas que tem realizado aos postos de saúde e delegacias.

CONTRATOS II – Sobre a atuação da Gamp, o vereador Sargento Santana (PTB) disse que um relatório foi elaborado pelo seu gabinete sobre a atuação da empresa e que houve a identificação de diversas falhas. Com base no relatório, o parlamentar encaminhou pedido de providências ao Executivo solicitando averiguações no contrato com a empresa.

FINANÇAS – Após a manifestação do presidente da Casa, a vereador Maria Eunice (PT) ressaltou que a Câmara tem o papel de fiscalizar o Executivo e sugeriu a realização de debate sobre as finanças e a capacidade de endividamento do município. O vereador Paulinho de Odé (PT) manifestou apoio à sugestão da colega de bancada e avaliou que o debate deve abranger também os investimentos realizados na administração anterior. 

Câmara Canoas

Fale Conosco

Rua Ipiranga, 123 - Centro - CEP 92010-290 - Canoas / RS
Telefone: (51) 3462-4800
Horário: segunda a quinta-feira, das 12h15min às 18h15min e sexta-feira, das 8h às 14h.
protocolo@camaracanoas.rs.gov.br
CNPJ: 89.768.535/0001-10